Posted by on Jul 29, 2012 in | 0 comments

Artigo para o Económico em papel – 16 de Março 2012

O Banco de Portugal está em contacto com o sector para tentar que os bancos nacionais emprestem dinheiro entre si.

O Banco de Portugal está em conversações com os bancos nacionais para reactivar o Mercado Monetário Interbancário doméstico. Em declarações ao Económico, fonte do regulador confirmou que têm sido promovidos “alguns contactos a nível técnico com os bancos residentes no sentido de analisar vias possíveis de reactivação do Mercado Monetário Interbancário”. Numa altura em que falta liquidez ao sistema bancário e persiste a desconfiança entre as instituições, o organismo liderado por Carlos Costa quer contornar o problema e fomentar a circulação de recursos dentro do mercado nacional.

O Banco de Portugal admite que a “afectação da liquidez entre os bancos na área do euro está ainda longe de ser óptima” e que o “mercado monetário interbancário continua a apresentar um comportamento disfuncional, quer ao nível doméstico, quer em termos da realização de operações ‘cross-border’. Situação que se reflecte, por exemplo, na elevada utilização da facilidade de depósito do Eurosistema, que tem vindo a registar sucessivos máximos históricos”.

Isto apesar do BCE ter tomado “medidas importantes no domínio da instrumentação da política monetária” tal como as “duas operações de refinanciamento com prazo de três anos e a aceitação de empréstimos bancários adicionais como activos de garantia para as operações de crédito do Eurosistema”.